Eram dois e agora são três. A Vodafone passa a deter um terço do capital social da Sport TV, juntando-se assim aos já acionistas NOS e Olivedesportos.

O acordo para a entrada da Vodafone na estrutura acionista da Sport TV foi conhecido esta sexta-feira.

NOS, Vodafone e Olivedesportos, de Joaquim Oliveira, pasam a deter cada uma “um terço do respetivo capital social e direitos de voto”.

Até agora, a operadora de telecomunicações NOS detinha metade do capital social da Sport TV e a Olivedesportos, a outra metade.

A nova composição acionista da Sport TV vai reforçar a sua estratégia de crescimento e inovação. Queremos continuar a apostar em novos conteúdos e novos rostos e numa programação mais rica e diversificada, que surpreenda os nossos clientes e conquiste novos públicos”, afirmou o presidente da Sport TV, Joaquim Oliveira, no comunicado em que foi conhecido o novo acionista.

Também a Vodafone divulgou um comunicado, no qual refere que a entrada no capital social da Sport TV reflete o seu "empenho no exercício de uma estratégia de reforço de posição enquanto operador total de telecomunicações".

Com este acordo assumimos uma posição acionista naquela que é a empresa nacional com mais experiência e "know-how" na distribuição de conteúdos desportivos e que reúne a preferência dos consumidores portugueses”, salienta Mário Vaz, presidente executivo da Vodafone Portugal.

O canal temático de desporto Sport TV foi lançado em 1998. Emite hoje emite em cinco canais nacionais, todos disponíveis em HD, e dois canais internacionais.

Já a Vodafone, no início do mês de julho, fez um acordo com a NOS e Cabovisão para "disponibilização recíproca" de direitos de transmissão relativos a eventos desportivos e de canais de desporto, com os custos partilhados.