Os produtos nacionais à base de carne de porco já podem ser exportados para o Chile anunciou o ministério da Agricultura, Desenvolvimento Rural e Florestas num comunicado esta segunda-feira.

O ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, realça que a abertura do mercado chileno constitui mais uma alternativa para a produção nacional, lembrando que “a suinicultura nacional sofreu bastante com o embargo russo e também com a redução drástica das exportações para Angola e Venezuela, dois mercados igualmente importantes para a produção nacional”.

Capoulas Santos adianta ainda que o Governo está a negociar a abertura de mais de duas dezenas de mercados às exportações nacionais, “pelo que há fortes estímulos para que os produtores nacionais prossigam também os seus esforços de internacionalização”.

As empresas interessadas em exportar para o Chile devem registar-se na Base de Dados do Serviço Agrícola e Pecuário Chileno até ao dia 24 de outubro, através de um formulário que será disponibilizado pelos serviços regionais da Direção Geral de Alimentação e Veterinária.

Leia também: Suinicultores criam marca Porco.PT