O provedor do telespectador da RTP, Jaime Fernandes, disse esta terça-feira à Lusa ter recebido queixas por a estação pública não ter transmitido no domingo a declaração do governador do Banco de Portugal sobre o BES em sinal aberto, escreve a Lusa.

O governador do Banco de Portugal, Carlos Costa, fez uma declaração no domingo à noite, onde anunciou o plano de resolução do Banco Espírito Santo (BES), que cria o Novo Banco, a qual não foi transmitida em direto, em canal aberto, pela RTP.

Jaime Fernandes disse à Lusa que já recebeu queixas sobre a situação e que este vai ser «tema do primeiro programa» do provedor em setembro, já que em agosto está suspenso.

Questionado sobre o teor das queixas enviadas para o provedor do telespectador, Jaime Fernandes adiantou que estas consideram que a RTP «deveria ter dado uma notícia de relevância para o interesse público» em canal aberto ou que é «inacreditável que a estação de serviço público não tenha interrompido a emissão» para dar um assunto «de interesse nacional».