A confiança dos investidores na zona euro afundou em setembro, com a desaceleração da economia chinesa a pesar no índice Sentix, que caiu de 18,4 pontos, em agosto, para 13,6 pontos, em setembro, o valor mais baixo desde fevereiro.

“Enquanto a perceção da situação atual se mantém estável, as expetativas económicas arrefeceram drasticamente”, pode ler-se numa nota do índice.

Os investidores também estão mais pessimistas em relação à evolução da economia da zona euro nos próximos seis meses. O índice desceu de 21,5 pontos, em agosto, para 12,3 pontos, em setembro.

“Os investidores veem agora a desaceleração na China e em mercados emergentes como um fardo significativo para a economia da zona euro, que já não pode ser compensada pelos bons desenvolvimentos da economia doméstica da zona euro ou dos Estados Unidos”