Uma mulher perdeu o Rendimento Social de Inserção (RSI) devido a uma publicação no Facebook. Depois de, em tom de brincadeira, dizer que ia viajar, a senhora foi acusada de abandonar o país sem aviso prévio, segundo a «Rede Regional», um jornal local de Santarém.
 
O Centro Distrital de Segurança Social de Santarém deixou de enviar o subsídio à mulher e alegou que a envolvida se ausentou do país. A senhora afirmou que não saiu de Portugal.

Depois de um grave acidente de viação em 2014, a mulher, de 39 anos e natural de Abrantes, foi submetida a duas cirurgias. Antes da segunda operação, em novembro, publicou na página pessoal do Facebook uma imagem de uma menina sentada em cima de malas e disse que estava a viajar para a Suíça.



No entanto, era brincadeira. A mulher estava a ironizar a ida para o hospital e o facto de não poder aceder à rede social durante a jornada de internamento.

No final do mês de novembro a queixosa recebeu uma carta da Segurança Social a dizer que deixaria de receber o RSI, acusando-a de ter violado um artigo que defende a permanência no país. A mulher afirma que a única razão possível é a publicação na rede social, uma vez que a técnica da Segurança Social colocou «gosto» na dita fotografia.
 
Segurança Social pede justificação «ridícula»
 
A beneficiária, que auferia 285 euros por mês e que já não recebe desde dezembro, confrontou a Segurança Social. Depois de juntar os documentos do internamento, dirigiu-se à instituição e foi surpreendida com o não reconhecimento do erro.

Os serviços exigiram à mulher um atestado da Junta de Freguesia para que provasse que não tinha saído do país. «O que é perfeitamente ridículo, pois sabe lá o presidente da Junta se eu andei no estrangeiro ou não», defendeu a envolvida.

O Instituto da Segurança Social, em Lisboa, foi contactado pela Rede Regional que afirma que a resposta não foi «substantiva» nem continha «explicações relativas ao caso em apreço.»

A desempregada, mãe de dois menores, já escreveu uma queixa no Livro de Reclamações da Segurança Social de Tomar.