A NOS registou lucros semestrais 47,7 milhões de euros, um crescimento de 8,3% em relação ao semestre homólogo.

No segundo trimestre o aumento dos lucros foi de 30,7%, segundo informou a empresa em comunicado enviado à Comissão de Mercado e Valores Mobiliários.

O EBITDA fixou-se em 274,3 milhões, enquanto as receitas de exploração cresceram 2,6%, para 699,9 milhões de euros. O maior contributo foi das telecomunicações, que subiram 1,9% para os 666 milhões de euros.

Os custos operacionais também registaram uma subida, de 3,5%, fixando-se em 433,5 milhões. A maior fatia, que se refere a custos diretos dos serviços prestados, ascendeu a quase 212 milhões de euros.