"Não há nenhum preconceito contra a China. Há 500 anos que não há", disse Portugal Gaspar à agência Lusa em Pequim.




"Para ultrapassar qualquer preconceito que possa existir, vamos organizar este ano sessões de esclarecimento para operadores económicos chineses residentes em Portugal, em colaboração com a Embaixada da China", disse.

"Não queremos atuar só numa base repressiva", acrescentou.