A Moody’s decidiu adiar para 4 de setembro uma decisão sobre o rating de Portugal. Estava previsto para esta sexta-feira um relatório sobre a dívida do país, mas a agência de notação financeira optou por não o divulgar, escreve o Jornal de Negócios.

Desta forma, a classificação da dívida soberana do país mantem-se, assim, em Ba1 [primeiro nível de lixo], com perspectiva estável. Esta classificação foi atribuída em julho passado e está, desde então, inalterada.

Por enquanto, a Moody’s ainda considera “lixo” a dívida soberana de Portugal, mas basta uma subida para deixar de o ser.