O principal índice da bolsa portuguesa (PSI20) encerrou a sessão desta quinta-feira a ganhar 0,05% para 6.103,63 pontos, em linha com os principais mercados europeus de referência.

Das 18 cotadas que integram o PSI20, oito valorizaram-se e as restantes dez perderam valor na sessão desta quinta-feira.

A Galp catapultou o índice da bolsa para terreno positivo, com um ganho de 1,37% para 11,44 euros.

Ainda nos ganhos, a Mota-Engil destacou-se também com uma valorização de 3,12% (para 2,81 euros) e a Portugal Telecom cresceu 3,06% (para 0,51 euros).

No que refere às perdas, Teixeira Duarte, BCP e Impresa foram as cotadas que perderam mais de 1%: -1,56% (para 0,63 euros), -1,23% (para 0,09 euros) e -1,06% (para 0,84 euros), respetivamente.

Na restante Europa, o dia foi, como em Lisboa, também de ganhos, em percentagens todavia modestas: Madrid cresceu 0,16%, Frankfurt valorizou-se 0,14% e Paris avançou 0,26%, por exemplo.

A questão grega continua a prender as atenções dos investidores.

Esta quinta e sexta-feira realiza-se em Riga, capital da Letónia, a Cimeira da Parceria Oriental e a Grécia já disse que quer estar na agenda não oficial.

À margem da reunião, está previsto um encontro entre o primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, e a chanceler da Alemanha, Angela Merkel.

Por estes dias continuam também as negociações técnicas no âmbito do Grupo de Bruxelas, com reuniões presenciais na capital belga.