A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) aplicou multas de 165 mil euros, no primeiro trimestre, por processos de contraordenação, segundo a informação hoje divulgada.

A nota do regulador dos mercados financeiros dá conta de que, entre janeiro e março, «proferiu decisão em seis processos de contraordenação, dos quais três por violação de deveres relativos à negociação em mercado, um por violação dos deveres de informação ao mercado, um referente aos deveres de intermediação financeira e um relativo à atividade dos organismos de investimento coletivo».

A CMVM refere ainda que «foram aplicadas coimas no total de 165 mil euros» e que, das decisões tomadas, seis são contraordenações muito graves, tendo sido aplicadas três admoestações.

Também no primeiro trimestre deste ano, foram instaurados 10 processos de contraordenação, a maior parte dos quais por atividade de organismos de investimento coletivo, estando em curso na entidade 112 processos de contraordenação.

A CMVM tinha 13 processos pendentes de decisão nos tribunais.