A inflação caiu 0,4% em agosto, face ao período homólogo, de acordo com os dados publicados pelo Instituto Nacional de Estatística.

Ainda assim, e relativamente ao mês anterior, a taxa subiu em 0,5 pontos percentuais, mas manteve-se negativa, pelo sétimo mês consecutivo.

O contributo negativo mais expressivo para a taxa de variação mensal do índice total, segundo o INE, foi o da classe do Vestuário e Calçado, com uma variação mensal de -6,2%.

Já a classe com maior contributo positivo para a taxa de variação mensal do índice total foi a dos Transportes, com uma variação mensal de 0,6%.

Recorde-se que em agosto o Eurostat publicou dados sobre a inflação nos países da zona euro em julho, mês em que Portugal registou a segunda taxa de inflação anual mais baixa da moeda única, com uma queda de 0,7%.