Os juros da dívida portuguesa estavam esta terça-feira de manhã a descer a dois e cinco anos e estabilizados a dez anos em relação a segunda-feira.

Cerca das 08:40 em Lisboa, os juros a dez anos estavam estabilizados em 1,636%, contra o mínimo desde 20 de março de 2015, de 1,596% em 29 de março.

Os juros a cinco anos estavam a recuar para 0,571%, contra 0,574% na segunda-feira e depois de terem descido em 29 de março para o mínimo de sempre de 0,251%.

No mesmo sentido, no prazo de dois anos, os juros estavam a cair para -0,220%, contra -0,217% na segunda-feira e o mínimo de sempre, de -0,401%, em 05 de dezembro de 2017.