O financiamento da banca portuguesa junto do Banco Central Europeu (BCE) voltou a descer em dezembro, pelo terceiro mês consecutivo, totalizando 47,8 mil milhões de euros, segundo as estatísticas divulgadas esta terça-feira pelo Banco de Portugal

Trata-se do valor mais baixo desde março de 2013, altura em que os empréstimos dos bancos nacionais junto do BCE atingiam os 47.792 milhões de euros, e representa quase cinco mil milhões de euros menos do que o valor dos empréstimos contraídos em dezembro de 2012 (52.784 milhões de euros).

Os bancos portugueses têm recorrido à cedência de liquidez do BCE para ultrapassar os constrangimentos sentidos no mercado interbancário europeu, tendo vindo a reduzir esta dependência desde junho de 2012, quando os empréstimos atingiram um valor recorde de 60.502 milhões de euros.