O ministro da Economia, António Pires de Lima, disse esta quarta-feira que o Governo vai abrir o concurso para a concessão dos transportes do Porto «já em julho», seguindo-se depois o concurso para as empresas de Lisboa.

«Depois de várias consultas, iremos abrir concursos para as concessões de transportes no Porto já no mês de julho, será aberto ainda antes do verão. E a seguir será a Área Metropolitana de Lisboa, de forma a termos até ao final do ano estes dossiers concluídos», disse António Pires de Lima.

O ministro da Economia, que está a ser ouvido na comissão parlamentar de Economia e Obras Públicas, afirmava desta forma que o lançamento dos processos de concessão da operação do Metro do Porto e da STCP avançará ainda antes dos processos relativos à Carris e ao Metropolitano de Lisboa.

Pires de Lima respondia a uma questão da deputada socialista Ana Paula Vitorino, que acusou o governante de ser «espetador de cinema» nesta matéria.

Ana Paula Vitorino questionou o ministro sobre o modelo de privatização dos transportes coletivos do Porto e de Lisboa e o avanço dos processos.

A 15 de maio, o secretário de Estado das Infraestruturas, Transportes e Comunicações já tinha dito que as concessões da Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP), Metro do Porto, Carris e Metropolitano de Lisboa seriam feitas em «concursos separados».

O Documento de Estratégia Orçamental (DEO) refere que a concessão dos serviços públicos de transportes de Lisboa e Porto deve estar concluída até ao final de 2014.