Os cortes nas reformas dos funcionários públicos podem chegar aos 10%. Estes cortes vão ser progressivos tendo em conta a idade dos pensionistas.

Juízes e diplomatas escapam ao corte de pensões

No entanto, a proposta do Governo, enviada aos sindicatos, garante que as reformas até 600 euros e a pensão de sobrevivência de 300 euros são intocáveis.

O que acontece é que a convergência entre o setor público e o setor privado vai penalizar mais as novas reformas, mas as atuais também não escapam.

O executivo quer que estas medidas entrem em vigor no próximo ano.

Saiba agora, através de algumas simulações, o que vai acontecer à sua pensão.