O vice-primeiro-ministro, Paulo Portas, realçou esta quinta-feira em Viana do Castelo o «pulo de gigante» de Portugal no ranking internacional da competitividade divulgado quarta-feira pelo Fórum Económico Mundial.

«É muito importante para a perceção internacional de um país que Portugal tenha conseguido dar um salto de 15 posições no espaço de um ano», afirmou Portas de visita à fábrica de Viana do Castelo da multinacional espanhola Europac, citado pela Lusa.

Este indicador foi um dos dois que Paulo Portas classificou como «boas notícias que os portugueses merecem receber».

O segundo indicador prende-se com a emissão de dívida a 15 anos efetuada quarta-feira «a bom preço e com procura forte», nas palavras de Portas.