“A Comissão Europeia tem de perceber” que a luta contra o Daash “é uma questão francesa mas também é uma questão europeia”.




mortíferos atentados terroristas em solo francês