O pagamento das portagens eletrónicas das ex-SCUT na rede ‘Payshop’ está indisponível devido a «alguns constrangimentos informáticos», confirmou à Lusa fonte oficial da empresa.

A Payshop, empresa gerida pelos CTT, confirmou à Lusa a existência de alguns constrangimentos informáticos durante o dia de hoje, «relacionados com a necessária atualização anual dos servidores».

Fonte oficial da empresa adiantou que «a normalidade estará reposta antes do final do dia em todos os mais de 3.000 agentes deste serviço de pagamentos».

Os condutores têm até cinco dias após a passagem nas autoestradas com cobrança exclusivamente eletrónica - Norte Litoral, Grande Porto, Costa da Prata, Interior Norte, Beiras Litoral e Alta, Beira Interior e Algarve - para pagarem as portagens na rede Payshop, que abrange as lojas CTT, postos de correio e agentes Payshop.