A poucos dias do fim de 2013, a taxa de ocupação nas unidades hoteleiras do Alentejo para a passagem de ano ronda os 80%, sendo a maioria dos clientes portugueses, disse à Lusa o presidente da Entidade Regional de Turismo (ERT) do Alentejo, António Ceia da Silva, referindo que os turistas portugueses são a maioria dos clientes.

Segundo o responsável, «ainda é cedo» para falar sobre a ocupação efetiva para a passagem de ano, porque «há a tendência de as pessoas fazerem reservas em cima da estadia» e, por isso, «as reservas de last minute [última hora] são bastante significativas».

No entanto, António Ceia da Silva disse esperar que o Alentejo, ao nível da ocupação hoteleira, «mantenha os números do ano passado» e tenha uma passagem de ano 2013/2014 «boa e muito similar» à de 2012/2013.

No Natal, indicou, houve uma subida média «entre os cinco e os 10%» na ocupação hoteleira no Alentejo, «o que significa que há uma tendência para famílias passarem a época natalícia em unidades hoteleiras, ou seja, em família, mas tendo como base uma unidade de alojamento».