A Ryanair lançou o Business Plus, para captar o segmento de mercado da classe executiva que existe na maioria das transportadoras aéreas. Com as novas tarifas, os clientes passam a ter flexibilidade na mudança de bilhetes, embarque prioritário e lugares premium, por exemplo. Segundo o The Guardian, as tarifas começam nos 69,99 euros.

Já em maio a empresa tinha admitido que estava a «dormir ao volante», admitindo que os clientes recebiam um mau serviço, a troco de preços baixos. Com estas novidades, a empresa assegura que o serviço é melhorado, resultando em clientes mais satisfeitos.

«Não vamos ter uma cortina azul. Os clientes apenas querem mais flexibilidade e melhores horários», referiu Kenny Jacobs, o diretor de marketing da transportadora aérea. Certo também é que não haverá lugares maiores ou outros extras, pelo menos para já.

Para além de ter mais viagens de ida e volta no mesmo dia para várias cidades, como Madrid, Milão ou Barcelona, a Ryanair vai também voar para aeroporto mais centrais, para ser mais fácil e menos demorado chegar ao aeroporto.