O administrador da Ongoing na PT Rafael Mora disse esta segunda-feira que a aprovação dos novos termos do acordo com a Oi «é a única solução possível» e espera recuperar pelo menos parte do valor da aplicação na Rioforte.

PT/Oi: AG decisiva arranca com 46% do capital representado

«A única solução para gerar valor é aceitar este acordo. É o negócio possível e que possibilita seguir em frente com a fusão» com a Oi, disse aos jornalistas Rafael Mora a meio dos trabalhos da Assembleia-Geral da PT que hoje decorre em Lisboa, citado pela Lusa.

Questionado sobre a aplicação de 900 milhões de euros da PT na Rioforte, o administrador da Ongoing disse que espera «recuperar» pelo menos parte do montante investido em papel comercial da empresa do Grupo Espírito Santo que pediu no Luxemburgo proteção de credores.

«Não sei se será possível recuperar todo ou parte» do investimento, reforçou, escreve a Lusa.

Sobre a eventual aprovação do novo acordo, Rafael Mora afirmou que haverá «muitos acionistas a votar contra e outros a favor», sem querer antecipar quaisquer resultados.

Quanto ao relatório a cargo da PricewaterhouseCoopers sobre a aplicação financeira na Rioforte, Rafael Mora afirmou que os resultados serão conhecidos em outubro.