O Banco de Portugal deverá decidir o modelo de venda do Novo Banco até ao final deste mês. Segundo o Diário Económico, o BNP Paribas tem instruções para, durante esse período, afinar o formato da proposta de alienação.

O regulador quer perceber o que querem os potenciais investidores para só depois escolher que modelo de venda faz sentido para o Novo Banco.

João Moreira Rato é quem está a fazer a ponte entre o trabalho do BNP Paribas e do Deutsche Bank.

Independentemente do modelo que venha a ser escolhido para a venda, é praticamente impossível que qualquer alienação avance antes de concluído e tornado público o resultado do Asset Quality Review, que o BCE está a fazer aos bancos que passam, em novembro, para a sua alçada direta de supervisão.