O ex-administrador financeiro do BES Amílcar Morais Pires renunciou ao cargo de vogal do conselho de administração do BES Investimento (BESI), segundo informação comunicada esta segunda-feira à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

BES com 3 mil milhões de prejuízo em 6 meses

«O Banco Espírito Santo de Investimento informa que os senhores doutor Amílcar Carlos Ferreira de Morais Pires e doutor José Manuel Pinheiro Espirito Santo Silva apresentaram renúncia aos cargos de vogais do Conselho de Administração do Banco», lê-se na nota enviada ao regulador dos mercados financeiros pelo banco liderado por José Maria Ricciardi.

Ricardo Salgado já tinha renunciado no início deste mês ao cargo de chairman (presidente não executivo) do BESI.

O ex-administrador financeiro do BES Morais Pires, e tido como braço direito de Ricardo Salgado, chegou a ser apontado para substituir o histórico presidente do banco, mas entretanto foi anunciado o nome do economista Vítor Bento para aquela função, que já ocupa o cargo desde há duas semanas, quando a administração liderada por Ricardo Salgado, e da qual Morais Pinto fazia parte, foi substituída pela gestão atual.

Além de Vítor Bento como presidente executivo, João Moreira Rato é o novo administrador financeiro e José Honório vice-presidente.

A nova administração do BES deverá ser aprovada pelos acionistas na assembleia-geral extraordinária da próxima quinta-feira.