O grupo Portucel Soporcel conseguiu um resultado líquido de 52 milhões de euros no terceiro trimestre do ano, menos 1,8% dos lucros que havia alcançado no trimestre anterior. Nota ainda para a queda de 11,4% nos resultados operacionais, para os 58,9 milhões de euros, assim como a quebra de 5,5% no EBITDA, para os 65,1 milhões.

Segundo o comunicado do grupo, o resultado consolidado dos primeiros nove meses do ano é de um volume de negócios de 1,14 mil milhões de euros, mais 2,5% do que o conseguido em 2012., ainda que o resultado líquido se tenha situado nos 149,7 milhões, uma quebra de 6,5% relativamente ao período homólogo.

No final de setembro a a dívida líquida remunerada totalizava cerca de 264 milhões de euros, uma diminuição de cerca de 100 milhões em relação ao final do ano de 2012. Já a dívida bruta totalizava 857,3 milhões de euros.

Na área de energia, a produção bruta de energia elétrica cresceu 23%, situando-se em cerca de 1.750 Gwh.

Os acionistas vão reunir-se em assembleia geral extraordinária no dia 28 de outubro para decidir sobre a proposta de distribuição de reservas aos acionistas no valor de 86 milhões de euros.