O grupo suíço Holcim e o francês Alfarge anunciaram esta segunda-feira terem acordado a sua fusão, abrindo caminho à criação da maior empresa cimenteira do mundo.

A nova empresa, que se deverá designar LafargeHolcim, «terá uma posição única em 90 países e será uniformemente equilibrada entre os países em desenvolvimento e os em forte crescimento», segundo refere um comunicado conjunto das empresas.

Os grupos Holcim e Alfarge pretendem 'fechar' o negócio até ao primeiro trimestre de 2015.

As ações na nova firma vão estar cotadas nas bolsas de valores de Paris e de Zurique.

Fundada na Suíça em 1912, a Holcim, que emprega 71 mil funcionários, contando com unidades de produção em cerca de 70 países e marca presença nos mercados de todos os continentes.

As vendas líquidas da empresa totalizaram, no ano passado, 19,7 mil milhões de francos suíços (16,1 mil milhões de euros).

Já a Lafarge, que começou por ser uma empresa ligação à exploração de pedra calcária, possui 65 mil trabalhadores em 64 países, contando com vendas anuais na ordem de 15,8 mil milhões de euros.