Os produtores de alheira de Mirandela esperam faturar meio milhão de euros no certame anual que decorre entre sexta-feira e domingo na cidade transmontana, com a presença do primeiro-ministro na abertura.

O presidente da Câmara de Mirandela, António Branco, afiançou hoje à Lusa que durante os três dias deverão ser vendidas mais de 60 toneladas do enchido «maravilha» gastronómica portuguesa, o equivalente a «500 mil euros» de negócio.

O autarca vincou que «não há nenhuma fileira» nesta região como a alheira, que movimenta 30 milhões de euros por ano.

A feira, que vai ser inaugurada, na sexta-feira, pelo primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, é uma montra desta dinâmica económica, com 70 expositores, em que se incluem, além das seis principais unidades industriais do enchido, pequenos produtores e outros produtos como o azeite, queijo, vinho ou pão.

O certame decorre ao ar livre, junto ao rio Tua, no Parque do Império, e é também animado pelas 20 lojas que permanentemente vendem produtos regionais naquele local e que por esta altura do ano contabilizam a movimentação de autocarros todos os fins de semana.

António Branco adiantou que «só no fim de semana anterior passaram por Mirandela 100 autocarros» de excursões, oriundas de zonas como Porto, Coimbra, Tomar, Leiria, que visitam as amendoeiras em flor no Nordeste Transmontano e fazem escala na cidade do Tua.

A Feira da Alheira, acredita o autarca, será mais um motivo de passagem e paragem em Mirandela, com a perspetiva de que cada um dos seis grandes produtores venda «cerca de 10 toneladas».

A qualidade e a especificidade da alheira de Mirandela estão reconhecidas com o selo da União Europeia de Indicação Geográfica Protegida (IGP).

Além do tradicional enchido à base de pão, carne de porco e azeite, têm surgido nos últimos anos no mercado novas versões, desde a alheira para crianças, à de caça, vegetariana ou de bacalhau.

A mais recente inovação é a alheira adaptada a doentes renais, com baixos teores de sal e rica em gorduras polinsaturadas.

A feira anual, que decorre no fim de semana é organizada pela Câmara de Mirandela e pela associação comercial MIRCOM, proporcionará a oportunidade de provar e comprar os produtos regionais mais emblemáticos e promete também animação com grupos musicais do concelho, provas todo-o-terreno e prova e venda.