A Portugal Ventures lançou um novo centro em Boston, nos Estados Unidos, para apoiar a internacionalização de empresas portuguesas de base tecnológica e complementar o serviço já prestado na costa oeste do país.

«Com o objetivo de apoiar e exponenciar o crescimento das start-up portuguesas, abrindo-lhes as portas do mundo, temos vindo a criar aceleradores nos principais e mais dinâmicos centros do mundo», explicou o diretor da Portugal Ventures, José Franca, à agência Lusa.

Este é o segundo centro da sociedade no país, tendo o primeiro sido inaugurado, em janeiro de 2013, em São Francisco, na Califórnia.

José Franca disse que «os EUA são o maior e mais competitivo mercado mundial pelo que apresenta enormes potencialidades para as empresas portuguesas.»

«Os Estados Unidos são determinantes para o crescimento das nossas empresas. As nossas start-ups poderão mergulhar e explorar o ambiente existente, vivenciando o sentido de urgência, o dinamismo e o poder da interação entre os melhores do mundo», explicou o responsável.

O centro está baseado no Cambridge Innovation Center (CIC), rodeado pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT) e a curta distância da Universidade de Harvard, e foi criado em conjunto com um parceiro local, a LBVentures, especializado no apoio a novas empresas.

«Um parceiro é importante para que as nossas start-up possam de forma mais rápida e consistente contactar com a comunidade local, gerando novas redes de contactos e obtendo uma validação preliminar que lhes vai permitir focar no desenvolvimento das necessidades desse mercado e queimar etapas no crescimento», explicou José Franca.

A Portugal Ventures é uma Sociedade de Capital de Risco fundada em 2012 que gere um fundo de cerca de 600 milhões e espera investir 20 milhões anualmente no apoio a novas empresas no âmbito do seu programa "Call For Entrepreneurship".