O grupo belga Ikaros Solar abriu um centro de competências de engenharia em Oeiras, que pretende criar um núcleo de engenheiros especialistas em energia solar fotovoltaica, estimando-se a criação de 25 empregos a médio prazo, anunciou a empresa.

Em declarações à agência Lusa, fonte da empresa explicou que o centro de competências, que tem sede em Miraflores, no concelho de Oeiras, conta já com seis técnicos, pretendendo-se que este número chegue às 25 pessoas, uma evolução que «está dependente do crescimento do grupo».

«Decidimos avançar com o centro de competências em Portugal pela qualidade dos técnicos e engenheiros que esta geografia apresenta, nomeadamente no setor das energias renováveis, onde até há bem pouco tempo, Portugal era reconhecido como líder», afirmou Yves Devis, diretor executivo do Grupo Ikaros Solar, citado no comunicado da empresa.

Já Duarte Caro de Sousa, diretor-geral da subsidiária do grupo a operar em Portugal, a Ikaros-Hemera, acrescenta que «esta aposta faz parte da estratégia global da empresa e representa uma oportunidade para Portugal se reposicionar como uma potência em crescimento no setor da energia solar».

A equipa de engenheiros do centro de competências, que abriu no primeiro trimestre deste ano, está responsável pelo «desenvolvimento de projetos de maior complexidade e dimensão a par da investigação e desenvolvimento a nível da solução» e vai também produzir trimestralmente relatórios de investigação, de novas soluções de engenharia, construção equipamento e tecnologia.

No comunicado, a empresa explica que escolheu Portugal para abrir este polo devido a quatro fatores estratégicos: «a disponibilidade de bons engenheiros em Portugal, o baixo custo desta mão-de-obra especializada e incentivos ao recrutamento jovem, a competência académica do país e as competências linguísticas dos portugueses».

Fundada em 2011, a Ikaros Hemera é especializada na implementação e monitorização de sistemas solares fotovoltaicos de média e grande dimensão e é fruto da joint-venture entre a Ikaros Solar e a Hemera Energy, que integra o Grupo Quifel, de Miguel Pais do Amaral.