A Nissan Motor quer comprar 30% da Mitsubishi Motors por 200 mil milhões de ienes, cerca de 1.615 milhões de euros. As negociações para a operação vão começar esta quinta-feira.

As administrações das duas empresas japonesas de fabrico de automóveis vão reunir-se hoje com esse objetivo, segundo fontes dos dois fabricantes citadas pela agência de notícias Kyodo.

A Nissan confirmou entretanto oficialmente o início das negociações, mas não avançou com detalhes sobre qual a participação que pretende adquirir e o seu valor.

Recorde-se que a Mitsubishi admitiu no final de abril ter utilizado métodos de testes inapropriados nos últimos 25 anos, ampliando o escândalo de fraude do desempenho energético de uma parte dos seus veículos revelado recentemente.

Foi a 20 de abril que a fabricante admitiu ter manipulado testes de emissões poluentes em, pelo menos, 625.000 veículos, alguns dos quais precisamente construídos para a Nissan.