O Tesouro Público espanhol conseguiu esta terça-feira baixar os juros médios para colocar 4.147,8 milhões de euros em títulos a seis e 12 meses, numa altura em que o risco de dívida está nos níveis mais baixos em dois anos.

Em concreto, colocou 1.336,21 milhões de euros a seis meses com um juro médio de 0,85%, abaixo dos 0,968% pagos no leilão equivalente realizado em julho.

Os restantes 2.811,62 milhões de euros foram colocados a um ano a juros médios de 1,278%, o valor mais baixo desde maio e significativamente abaixo dos 1,520% pagos no leilão equivalente em julho.

Na semana passada o risco da dívida em Espanha - medido pela diferença entre os títulos espanhóis e os alemães a 10 anos - caiu para em torno aos 250 pontos base, o nível mais baixo desde agosto de 2011, segundo dados do mercado.

No último ano, o risco da dívida de Espanha caiu para metade, sendo que, em agosto do ano passado, era de 543 pontos base.

Nos últimos meses o custo médio das emissões do Tesouro espanhol foi de 2,68%, abaixo dos mais de 3% de final de 2012.