As taxas Euribor a três, seis, nove e a doze meses, interromperam hoje a subida consecutiva de oito sessões, face aos valores observados na terça-feira.

A Euribor a seis meses, a mais utilizada em Portugal no crédito à habitação, manteve-se inalterada nos 0,393 pontos, o mesmo acontecendo com a Euribor no prazo dos três meses que permaneceu em 0,298%.

Já no prazo dos 12 meses, a Euribor caiu 0,003 pontos percentuais para 0,487%.

Também na maturidade dos nove meses, a taxa Euribor registou um comportamento em baixa, ao recuar 0,002 pontos percentuais para 0,565%, face ao dia anterior.

As taxas têm vindo a apresentar uma tendência de subida desde 5 de dezembro, dia em as Euribor a três, seis, nove e 12 meses foram fixadas em 0,240%, 0,334%, 0,429% e 0,507%, respetivamente.

A 5 de dezembro, o BCE deixou inalterada a taxa de juro, depois de a 07 de novembro a ter descido inesperadamente de 0,50% para 0,25%.

As Euribor são fixadas pela média das taxas às quais um conjunto de 57 bancos da zona euro está disposto a emprestar dinheiro entre si no mercado interbancário.