O PSI20, principal índice da bolsa portuguesa, encerrou esta terça-feira a recuar 0,65% para 5.816,42 pontos, com os títulos do BPI, do BCP e da PT a registarem as maiores perdas da sessão.

Entre as 19 cotadas que atualmente integram o PSI20 - após a exclusão do Espírito Santo Financial Group (ESFG) -, 11 fecharam em queda e sete em terreno positivo. A negociação dos títulos do Banco Espírito Santo (BES) continua suspensa.

Entretanto, a Euronext anunciou que decidiu retirar o BES do PSI20 a partir de 11 de agosto a um preço de zero euros por ação.

A gestora da bolsa de Lisboa adianta, num comunicado, que a decisão será confirmada na quarta-feira se, até ao fecho das negociações nesse dia, não houver mais informações do regulador sobre a situação do BES.

A negociação das ações do BES está suspensa desde sexta-feira, depois de terem atingido um novo mínimo histórico de 0,105 euros.

O BES, tal como era conhecido, foi extinto este fim de semana. O Banco de Portugal tomou conta da instituição fundada pela família Espírito Santo e anunciou a sua separação, ficando os ativos e passivos de qualidade num 'banco bom', denominado Novo Banco, e os passivos e ativos tóxicos num 'banco mau' ('bad bank').