O PSI20 fechou esta terça-feira a valorizar 0,59% para 6.281,74 pontos, em linha com as principais praças europeias, no dia em que o Governo apresenta a proposta de Orçamento do Estado para 2014.

Dos 20 títulos que compõem o índice, três fecharam em queda, um (BCP) terminou a sessão inalterado face à cotação da véspera, enquanto os restantes registaram ganhos. Esta foi a quinta sessão consecutiva em que o principal indíce registou ganhos.

A liderar os ganhos hoje esteve a Cofina, que avançou 3,51% para 0,50 euros, seguida pela EDP, que progrediu 1,99% para 2,56 euros.

Ainda entre as cotadas da energia, a EDP Renováveis subiu 0,56% para 3,96 euros, a Galp ganhou 0,68% para 12,64 euros e a REN avançou 0,64% para 2,20 euros.

Do lado das quedas, destaque para o Banif, que cedeu 9,09% para 0,01 euros, um dia depois de ter anunciado os resultados da oferta pública de troca de obrigações por ações, que permitiu ao banco um aumento de capital de cerca de 70,7 milhões de euros.

Na banca, o BPI avançou 1,57% para 1,10 euros e o BES cresceu 0,29% para 1,04 euros.

Nota ainda para a Portugal Telecom (PT), que recuou 1,12% para 3,61 euros, e para o peso pesado Jerónimo Martins, que ganhou 0,21% para 14,32 euros.

A ministra das Finanças, Maria Luís Albuquerque, apresenta hoje a proposta de Orçamento do Estado para 2014 em conferência de imprensa às 20:00, no Ministério das Finanças, em Lisboa.