A Bolsa de Lisboa abriu a última sessão da semana em queda e segue a deslizar 0,9% para os 4.876,32 pontos, a liderar as quedas nas praças europeias.

Destaque para a PT, que cai 1,3%, nos 1,13 euros por ação. Recorde-se que esta quinta-feira foi anunciada a convocatória para uma assembleia geral de acionistas da cotada, para dia 12 de janeiro, para votar o negócio entre a PT Portugal e a Altice.

O setor da energia também pressiona o índice, aliás, as descidas sucessivas do preço do crude nos mercados internacionais está a pressionar as cotadas do setor. Exemplo disso é a EDP, que desce 1,2%, com as ações a cotar a 3,26 euros, e a Galp, que cai 0,8%, para os 8,45 euros.

O setor da banca também não escapa: enquanto o BPI desliza 0,8%, nos 1,36 euros, o BCP deprecia 0,4%, para os oito cêntimos por título.

Na Europa, à exceção de Frankfurt, que ganha 0,6%, a manhã é de perdas: Londres cai 0,8%, Madrid e Paris deslizam 0,7% e Milão perde 0,5%.