O PSI-20 abriu a sessão em queda e segue a perder mais do que a restante Europa, ao cair 0,48% nos 5.776,89 pontos.

A maior queda pertence à PHarol (ex-PT SGPS), ao deslizar 2,5% para os 0,463. Também a NOS desce 0,9%, nos 6,77 euros por ação.

O setor da energia também segue no vermelho: a EDP desce 0,6%, para os 3,42 euros. A Galp cai 0,3%, com os títulos a cotar a 10,68 euros.

Já o setor da banca segue em terreno misto, com o BCP a cair 0,5%, mantendo o preço das ações em 0,09 euros. O BPI sobe 0,6%, nos 1,40 euros por ação.

No verde, a travar maiores quedas, a Teixeira Duarte ganha 2,5%, para os 0,62 euros por ação. A Impresa lidera o índice, subindo 2,7%, com os títulos a cotar a 0,88 euros.

Na Europa, as praças financeiras seguem sem tendência definida. Os investidores estão reticentes quanto a um acordo entre a Grécia e os credores, no curto prazo. No vermelho, Paris perde 0,4%, Madrid desce 0,3% e Frankfurt desliza 0,1%. No verde, Londres e Milão avançam 0,2%.