A Bolsa de Lisboa abriu a sessão em alta ligeira, a seguir a tendência europeia: o PSI-20 segue a ganhar 0,33%, nos 5.928,51 pontos, suportado pelos ganhos da Mota-Engil e do setor da banca.

No caso da construtora, esta sobe 1,9%, fixando o preço das ações em 4,78 euros, no dia em que a imprensa avança que um relatório da Parpública e da Águas de Portugal recomenda que a portuguesa siga em frente na privatização da EGF.

No setor da banca, o BCP ganha 1,4%, com as ações ainda a valerem 0,10 euros. A subida do BPI é menor, 0,3%, nos 1,47 euros por ação.

No setor da energia, a tendência é mista: enquanto a Galp Energia sobe 0,4%, para os 13,58 euros por ação, a EDP desce 0,4%, fixando o preço das ações em 3,64 euros.

Na Europa, os ganhos marcaram a abertura, com os investidores a aguardar a reunião desta semana do Banco Central Europeu, para saber se haverá novos estímulos à economia. Frankfurt aprecia 0,6%, Milão sobe 0,4%, Paris e Londres ganham 0,3% e Madrid avança 0,2%.