Portugal aproveitou os mínimos históricos das taxas soberanas e trocou 1.748,5 milhões de euros de Obrigações do Tesouro que expiram em 2015 e 2016 por dívida com maturidades mais longas, aliviando as amortizações nos próximos dois anos, anunciou o IGCP.

O IGCP recomprou 240,092 milhões de Obrigações do Tesouro com maturidade em 2015, 553,078 milhões de euros de OT com maturidade até 2016 e 955,355 milhões em OT também com maturidade até 2016.

As OT foram trocadas por 943,32 milhões de euros de OT com maturidade em 2021 e 805,205 milhões em OT com maturidade até 2023.

Segundo dados do IGCP, antes desta operação de troca, Portugal tinha de amortizar 7.620 milhões de dívida de médio e longo prazo em 2015 e 17.240 milhões em 2016, incluindo os empréstimos do resgate internacional a que Portugal se socorreu em 2011.

Este swap de dívida acontece quando as taxas das OT portuguesas a 10 anos tocaram novos mínimos de sempre nos 2,927%, beneficiando do sentimento positivo quanto à dívida da periferia europeia, com os investidores a apostarem que o Banco Central Europeu avançará com novos estímulos monetários.