A Organização de Países Exportadores de Petróleo (OPEP) aumentou esta terça-feira ligeiramente a sua previsão de crescimento para a procura mundial petrolífera em 2013 para 89,8 milhões de barris diários.

Segundo o relatório mensal do mercado de crude hoje divulgado, a OPEP aumenta a sua estimativa de procura em 40 mil barris diários, 1% mais do que o ano passado.

Para o próximo ano, os peritos da OPEP mantêm as previsões anteriores de 90,8 milhões de barris por dia, 1,2% mais do que este ano.

Quanto à conjuntura mundial, a OPEP confirma o prognóstico de um crescimento económico de 2,9% para este ano e 3,5% para o próximo.

Os analistas da OPEP destacam que a economia dos Estados Unidos está a avançar «mais do que o esperado», apesar da recente crise orçamental no país. Contudo, mantêm a previsão de um crescimento de 1,6% da economia norte-americana este ano e de 2,5% em 2014.

Entretanto, as principais economias emergentes vão registar uma evolução díspar, com uma redução do crescimento da Índia que passa em 2013 de uma previsão de 5% para 4,4% e uma subida da China, que vai dos 7,6% previstos para 7,8%.

Na zona euro, apesar da saída da recessão no segundo trimestre de 2013, a organização mantém a previsão de uma contração do Produto Interno Bruto (PIB) em 0,3% em 2013 e uma lenta recuperação económica em 2014 de 0,7%.