O presidente executivo da Microspft, Steve Ballmer, vai abandonar o cargo. A data ainda não é certa, mas será algures durante os próximos 12 meses, anunciou o gestor em comunicado.

Na nota, enviada esta sexta-feira aos funcionários da empresa e publicado no site oficial da tecnológica, Ballmer diz que «não existe um momento perfeito para este tipo de transição», mas que «agora é o momento certo».

O gestor estava à frente dos destinos da Microsoft desde 2000, altura em que o seu fundador, Bill Gates, deixou o lugar.

As ações da Microsoft estão a reagir em forte alta ao anúncio da saída de Ballmer e seguem a ganhar 7,15% para 34,71 euros.