O grupo Media Capital teve um lucro de 16,5 milhões de euros em 2’14, uma subida de 20% relativamente ao ano anterior.

Em comunicado enviado à Comissão de Mercado e Valores Mobiliários, o grupo revela um total de rendimentos operacionais consolidados de 179,8 milhões, «valor que corresponde a uma queda de 1%, não obstante a melhoria observada na publicidade».

Já os gastos operacionais recuaram 3%, sendo que a nível trimestral assistiu-se a uma queda de 5%, originária sobretudo do segmento de produção.

O EBITDA consolidado atingiu um valor de 40,9 milhões, com uma margem de 22,8%.

Os rendimentos de publicidade subiram 11%, com uma performance superior à do mercado, uma vez que se estima que este tenha crescido 10%. 

Os outros rendimentos operacionais, compostos essencialmente por rendimentos de produção audiovisual, serviços multimédia e rendimentos de cedência de sinal, recuaram 17%, com o impacto a advir sobretudo do segmento de televisão, em concreto no que refere a serviços multimédia.

«Esta redução deveu-se em boa parte ao impacto da autorregulação nos concursos de chamada de tarifa única, a qual entrou em vigor em julho de 2014», adianta a Media Capital.