Os juros da dívida pública portuguesa já chegaram a mínimos históricos esta sexta-feira, nas maturidades a dois e cinco anos.

No caso das Obrigações do Tesouro a dois anos, os juros caíram para 0,439%. A cinco anos, as OT recuaram para 1,530%.

Na maturidade mais longa, a 10 anos, os juros da dívida também recuam, para os 3,079%.

Já esta quinta-feira os juros bateram mínimos, depois do anúncio do Banco Central Europeu do corte da taxa de juro diretora para os 0,05%.

Este novos mínimos surgem dois dias depois de o Estado ter colocado 3,5 mil milhões de euros de dívida no mercado.