A Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública anunciou esta sexta-feira que vai realizar na próxima quarta-feira, dia 19 deste mês, dois leilões de bilhetes do tesouro com maturidades a três e 12 meses.

Em comunicado, a agência, mais conhecida pelas siglas IGCP, informou que o montante indicativo situa-se entre os 1.000 e os 1.250 milhões de euros, naquilo que vai ser o segundo leilão de bilhetes do tesouro de 2014, depois do de 15 de janeiro.

Já este mês, o instituto que gere a dívida pública confirmou a colocação de três mil milhões de euros em dívida a 10 anos e disse que Portugal já conseguiu financiamento para 2014 e está a pré-financiar o défice de 2015.

A 15 de janeiro, o Estado colocou 1,25 mil milhões de euros em dívida a três e 12 meses, com a taxa de juro a descer para praticamente metade e a procura a superar a do último leilão semelhante realizado em novembro.

A Agência para a Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública ¿ IGCP colocou assim o valor máximo do montante indicativo que havia estipulado no anúncio deste leilão de dívida, os 1,25 mil milhões de euros.