O construtor automóvel norte-americano General Motors (GM) anunciou esta quinta-feira que vai vender a totalidade dos 7% que tem no grupo francês Peugeot PSA.

A General Motors cede «a totalidade da sua parte de 7%, ou seja 24,8 milhões de ações, na PSA Peugeot Citroën (...) a investidores institucionais», indica o construtor norte-americano em comunicado, escreve a Lusa.

A General Motors tinha adquirido esta parte ao estabelecer uma aliança estratégica com o grupo francês em março de 2012.

«O nosso investimento destinava-se a apoiar a PSA nos esforços para reforçar o capital no momento da criação de uma aliança e este apoio já não é necessário», disse o vice-presidente da GM, Steve Girsky, citado no comunicado.

«A nossa aliança continua sólida e focada em programas conjuntos de desenvolvimento de veículos, compras e logística», acrescentou. «Estamos a conseguir progressos e estamos abertos a novas oportunidades».

O grupo PSA Peugeot Citroën, que confirmou hoje estar a negociar a entrada do construtor chinês Dongfeng no seu capital, já tinha anunciado antes que a aliança com a GM seria revista.