A revista norte-americana Forbes anunciou esta quarta-feira que vai lançar no próximo ano uma edição em português, intitulada Forbes Portuguese Africa, em parceria com a angolana ZAP, para distribuição no mundo lusófono africano, e também em Portugal.

«A maioria do conteúdo editorial da Forbes Portuguese Africa vai ser local, complementado com o restante da Forbes norte-americana», de acordo com o comunicado de imprensa divulgado hoje em Nova Iorque.

A edição em português será lançada para as bancas de dois em dois meses, e será «distribuída em Angola, Portugal, Moçambique, Cabo Verde, São Tomé e Príncipe e Guiné

Bissau», acrescenta o comunicado, que cita o responsável da ZAP Jorge Pereira a dizer que «toda a gente está ciente da informação valiosa difundida pela Forbes».

Por isso, está «certo que a Forbes vai ser a líder nas revistas de negócios em Angola nos países africanos lusófonos».

A ZAP Publishing é uma subsidiária da Finstar, uma empresa angolana líder nos canais pagos em Angola e em Moçambique, enquanto a Forbes é uma marca de informação que atinge 55 milhões de clientes, em 31 edições locais que incluem países como o Brasil, a China, a Polónia, a Espanha, a Tailândia e a Turquia, entre outros.