As praças financeiras na Europa abriram a sessão no verde, à exceção de Frankfurt, que perde 1,3%.Os investidores parecem menos receosos com a situação chinesa, depois de ontem terem encerrado a sessão no vermelho. E seguem os ganhos no mercado asiático, que fechou hoje em alta.

Madrid ganha 3,2%, Paris avança 2,2%, Milão ganha 1,8% e Londres segue inalterado.

Em Lisboa, o PSI-20 segue a tendência, avançando 2,2%, nos 5.278,00 pontos e com todas as cotadas a negociar no verde.

A Galp lidera os ganhos, ao subir 4,2%, para os 9,07 euros, acompanhando a subida do preço do Brent no mercado londrino.

Nota também para o setor da banca: o BPI avança 1,7%, nos 0,94 euros. O BCP ganha 3,4%, mantendo as ações em 0,06 euros, com sinais de que a Polónia pode recuar no plano de obrigar os bancos a arcar com grande parte dos custos da conversão dos créditos.

Na Ásia, o fecho da sessão foi bastante positivo: a Bolsa de Xangai encerrou em forte alta, a trepar 5,4%, alcançando o melhor resultado desde o início de julho. Em Tóquio a bolsa fechou a ganhar pouco mais de 1%. Já ontem tinha ganho 3,2%, quebrando o ciclo que quedas