O euro caiu, esta quarta-feira, em relação ao dólar após a publicação de dados económicos que mostram um reforço do mercado laboral nos Estados Unidos.

Por volta das 18:40 (hora de Lisboa), o euro negociava a 1,3654 dólares, abaixo dos 1,3680 a que seguia ao final da tarde de terça-feira.

Os dados divulgados relativos à robustez do mercado laboral norte-americano apoiaram o dólar, indicou o analista de divisas Stephan Rieke, esta quarta-feira, citado pela agência Efe.

A economia norte-americana criou em junho 281 mil empregos no setor privado, mais do que previam os analistas.

Em maio, o setor privado da economia norte-americana tinha criado 179 mil novos postos de trabalho.