As taxas Euribor voltaram esta terça-feira a subir, pela oitava sessão consecutiva, a três, seis, nove e 12 meses, em relação aos valores de segunda-feira.

A Euribor a seis meses, a mais utilizada em Portugal nos créditos à habitação, subiu hoje 0,006 pontos percentuais face a segunda-feira, ao ser fixada em 0,393%. A três meses, a Euribor subiu 0,008 pontos percentuais, tendo sido fixada em 0,298%.

Nos prazos de nove e 12 meses, as Euribor também subiram hoje para, respetivamente, 0,490% e 0,567%, mais 0,006 e 0,004 pontos percentuais do que os valores de segunda-feira.

As taxas estão a subir ininterruptamente desde 5 de dezembro, dia em as Euribor a três, seis, nove e 12 meses foram fixadas em 0,240%, 0,334%, 0,429% e 0,507%, respetivamente.

A 5 de dezembro, o BCE deixou inalterada a taxa de juro, depois de a 07 de novembro a ter descido inesperadamente de 0,50% para 0,25%.

As Euribor são fixadas pela média das taxas às quais um conjunto de 57 bancos da zona euro está disposto a emprestar dinheiro entre si no mercado interbancário.

A 5 de dezembro, as taxas Euribor a três, seis, nove e 12 meses foram fixadas em 0,240%, 0,334%, 0,429% e 0,507%, respetivamente.