O Espírito Santo Financial Group (ESFG) anunciou esta segunda-feira que reduziu a participação que detém no BES, após a venda de 4,99% das ações detidas no banco, para 20,1% do capital.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), o ESFG explica que a venda de 4,99% das ações do BES foi feita «para conseguir fundos e permitir ao ESFG satisfazer as suas obrigações de reembolso sob um margin loan [empréstimo para a compra de ações] que permitiu manter a posição de 25% no banco».

«Os fundos da venda, juntamente com certos outros colaterais detidos pelo banco, resultará no pagamento total e final do margin loan e extingue todas as obrigações no seu âmbito», acrescenta o ESFG.

As ações do ESFG mantêm hoje a sua negociação em bolsa suspensa, depois da empresa ter solicitado a suspensão da negociação dos seus títulos e obrigações nas bolsas de Lisboa e do Luxemburgo ao início da manhã de quinta-feira.

Já as ações do Banco Espírito Santo (BES) seguiam, às 09:56, a perderem 6,65% para 0,449 euros, numa sessão com muita oscilação e no dia em Vítor Bento, José Honório e João Moreira Rato assumiram a liderança da instituição.