A petrolífera italiana Eni vendeu 7% da participação que detém na Galp Energia por 702,4 milhões de euros, anunciou esta sexta-feira a empresa portuguesa em comunicado divulgado na Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

De acordo com a informação avançada, a Eni vendeu 58.051.000 ações, tendo cada uma sido adquirida por 12,10 euros, ou seja, cerca de 3% abaixo do valor a que a Galp Energia fechou a sessão da Bolsa na quinta-feira.

O negócio foi dirigido em exclusivo a investidores institucionais qualificados, sendo que a liquidação da oferta acontecerá a 2 de abril.

Com esta venda, a Eni passa a deter uma participação de cerca de 9% na Galp Energia, sendo 1% sujeito a um direito de preferência da Amorim Energia.

A oferta de venda da Eni já tinha sido anunciada na quinta-feira, o que fez as ações da Galp Energia serem suspensas hoje de manhã pela CMVM.

Nos últimos meses, a Eni vendeu em bolsa 0,34% da Galp, em que também não foram exercidos direito de preferência pela Amorim Energia, principal acionista da Galp, com 38,34 por cento.