A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários decidiu suspender a negociação das ações do BPI.

Em comunicado, a CMVM informa que "deliberou a suspensão da negociação das ações do Banco BPI, S.A., até à divulgação de informação relevante sobre o emitente".

As ações do banco estiveram a disparar 12%, com a notícia de que o CaixaBank pode estar a negociar a compra da participação de Isabel dos Santos no banco português. A concretizar-se, o negócio obriga a uma oferta pública de aquisição sobre o Banco Português de Investimento.

Antes da negociação ser suspensa, as ações do banco seguiam a ganhar 10,38%  para 1,18 euros.

Segundo os analistas contactados pela Reuters, uma possível aquisição da posição de Isabel dos Santos por parte do grupo espanhol, que é o maior acionista do BPI, poderá resolver o problema da exposição do BPI a Angola e abrir caminho a uma fusão com o grupo espanhol.